Atualização extraordinária do preço dos contratos públicos de aquisição de serviços

O aumento da Retribuição Mínima Mensal Garantida (vulgo Salário mínimo Nacional), para € 557 (quinhentos e cinquenta e sete euros), com efeitos desde o passado dia 1 de janeiro, teve impacto direto ao nível dos vários contratos públicos já celebrados.


A AHRESP chamou à atenção para este aspeto, tendo reivindicado e prestado os seus contributos para uma medida que, de alguma forma, mitigasse o impacto negativo desta subida, o que aconteceu agora com a publicação, em Diário da República, da Portaria nº 216/2017, de 20 de julho, que vem estabelecer o procedimento de atualização extraordinária do preço dos contratos de aquisição de serviços com duração plurianual, celebrados em data anterior a 1 de janeiro de 2017 ou, tendo sido celebrados após esta data, tenham tido origem em concursos cujas propostas tenham sido anteriores a 1 de janeiro de 2017.

Outro critério para beneficiar desta medida consiste em comprovar que a componente de mão-de-obra indexada à RMMG tenha sido fator determinante na formação do preço contratual e tenham por esse facto sofrido impactos substanciais.

Este benefício depende de requerimento, apresentado junto da entidade adjudicante, até ao dia 19 de agosto de 2017, para que esta reconheça que o preço contratual sofreu impactos substanciais decorrentes da entrada em vigor da nova RMMG, procedendo-se então à atualização extraordinária do preço, com efeitos retroativos a 1 de janeiro de 2017.

O requerimento obedece a um modelo específico (anexo à Portaria), devendo ser acompanhado de relatório financeiro que demonstre que o preço contratual acordado, em virtude do aumento da RMMG, sofreu uma alteração não coberta pelos riscos próprios do contrato e com impactos substanciais sobre o valor do contrato.
 
Clique AQUI para aceder à Portaria nº 216/2017.
 
Para o esclarecimento de qualquer questão relacionada com esta matéria, contacte-nos através do nosso número geral 213 527 060 (Sede Lisboa), ou diretamente para a sua Delegação da AHRESP, para o agendamento de uma consulta jurídica gratuita. Em alternativa pode enviar a sua questão para  duvidas.juridico@ahresp.com.
Destaques Comunicados AHRESP Agenda
Produtividade dos ministros não se mede pelo número de leis assinadas
Atualização extraordinária do preço dos contratos públicos de aquisição de serviços
Incêndios: AHRESP associa-se a linha de apoio a empresas turísticas
Contrato Coletivo de Trabalho entre a AHRESP e a FESAHT para o setor do Alojamento
"É preciso debelar o medo e restaurar a confiança dos turistas"
“O Bitoque” representa Grande Lisboa
Caderno de Economia e Negócios AHRESP - JULHO17
Fundo Revita
Pedrógão Grande: Armazém de doações em Castelo Branco ultrapassou as 40 toneladas
CCT entre a AHRESP e o SITESE
Linha de apoio a empresas turísticas afetadas pelos incêndios
AHRESP reforça apelo a solidariedade a Pedrógão Grande
Confirmando a expetativa da AHRESP
CAMPANHA de SOLIDARIEDADE com a REGIÃO CENTRO
AHRESP e CTP promovem workshops em todo o país para empresários do turismo
AHRESP retira 3,4 milhões de euros de custos às empresas do Canal HORECA
Turismo Decisivo Crescimento do PIB, do Emprego e das Exportações
AHRESP saúda aprovação da lei sobre a clarificação do Imposto do Selo
Publicação da Lei sobre a clarificação do Imposto do Selo em fase final
AHRESP Será recebida hoje na AR para debater alterações ao Código do Imposto de Selo
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"