TURISMO – pensar integrado macro/micro

Como quase tudo na vida, também o turismo deve ser pensado de forma integrada. Nada pode ser visto per si, de forma isolada ou descontextualizada, e o turismo não é exceção a esta regra, aliás é um claro exemplo do que afirmamos.

A par de um programa que contemple as grandes opções – leiam-se políticas públicas para o setor – e onde são definidos os grandes temas com influência no desempenho turístico do nosso país, como o ordenamento do território, as acessibilidades, a qualificação dos recursos humanos, o desenvolvimento de produtos e destinos, as promoções externa e interna, ou a sempre delicada questão dos financiamentos, temos, “no terreno”, os nossos agentes económicos, cujo desempenho é decisivo e fundamental para o sucesso ou insucesso de tudo aquilo que se preveja como sendo o ideal para o progresso e consolidação do nosso país enquanto destino turístico de excelência.

Acreditamos que só uma política “concertada”, envolvendo as entidades públicas, com a iniciativa privada, dará os tão desejados frutos.

A AHRESP, numa iniciativa pioneira e de grande cooperação, decidiu, nesta última edição daquela que é a maior feira de turismo nacional (BTL), “integrar-se” em todas as Entidades Regionais de Turismo (ERT’s) – fazendo a “ponte” entre as medidas programáticas num cenário mais macro e as necessidades dos nossos agentes económicos, num cenário mais micro.

Conseguimos ainda, com esta ação, e numa opção que passou por privilegiar a proximidade, marcar presença nas ERT’s, chegando assim a cada vez mais empresários, e oferecer-lhes os melhores serviços e oportunidades de otimização dos seus negócios.

Os agentes económicos estarão sempre dependentes de opções que, muitas das vezes, fogem do seu alcance, daí também a importância das associações do setor, como a AHRESP, enquanto entidade que detém um vasto conhecimento destas duas realidades ao representar os agentes económicos da Hotelaria e da Restauração e Bebidas, ao mesmo tempo que está representada nas próprias ERT’s.

Termino prestando um louvor ao espírito empreendedor, por vezes mesmo visionário, dos nossos empresários, que, apesar da escassez de recursos, dos inúmeros custos de contexto e das constantes reformas, conseguem ser resilientes, e inovadores, na excelência da qualidade dos produtos e dos serviços que as nossas empresas oferecem.

Fonte: Publituris, 24 de Março de 2015

 

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
Newsletter AHRESP #55
Livro de Reclamações Eletrónico
AHRESP alerta para a urgência de uma nova Lei para o Arrendamento Empresarial
Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior
Receitas Turísticas Internacionais - abril
Turismo de Ar Livre e Campismo - abril
Newsletter AHRESP #54
Alojamento Turístico - abril
Newsletter AHRESP #53
Prémios AHRESP 2018
Alterações legislativas do AL podem ter impactos muito negativos e injustificados
AHRESP apresenta nova fase do programa Seleção Gastronomia e Vinhos Açores
DIA MUNDIAL DO AMBIENTE
AHRESP lança segunda fase do Taste Portugal
AHRESP lança campanha de sensibilização para redução de plásticos
Restauração e Alojamento criaram mais de 21 mil novos postos de trabalho
NOVOS ÓRGÃOS SOCIAIS DA AHRESP TOMARAM POSSE
AHRESP NA VICE PRESIDÊNCIA DA FEDERAÇÃO EUROPEIA ORGANIZAÇÕES CAMPISMO E CARAVANISMO
Eleições da AHRESP Triénio 2018-2021
Turismo continua a impulsionar evolução positiva da conjuntura económica
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"