Fundo Turístico de Lisboa

MELHORIA DA EXPERIÊNCIA DOS TURISTAS E QUALIDADE DE VIDA DOS LISBOETAS

O Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa, criado com as receitas geradas pela Taxa Turística, tem em curso sete projetos que visam melhorar a experiência dos turistas e a qualidade de vida dos lisboetas.

Já aprovados encontram-se os projetos de valorização e intervenção das alas Poente e Norte do Palácio Nacional da Ajuda, exposição permanente das Joias da Coroa e dos Tesouros de Ourivesaria da Casa Real, Museu Judaico de Lisboa, Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril, Terminal de Atividade Marítimo-Turística na antiga Estação Fluvial Sul e Sueste, Polo Descobrir e Lojas com História.

No total, os projetos aprovados representam investimentos de 33,7 milhões de euros até 2019, dos quais 18,2 milhões suportados pelo Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa e 15,5 milhões de euros por outras entidades.

Está previsto o Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa financiar também o apoio à captação de Congressos através de bonificação na época baixa; a personalização da experiência do turista na plataforma digital do VisitLisboa; a promoção internacional de festivais de música, através do co-financiamento de programas de marketing nos mercados emissores; e iniciativas empresariais de comercialização através do co-financiamento de participações em feiras, workshops, roadshows, publicidade ou fam trips.

Estudo da criação dos núcleos museológicos dos Descobrimentos, dinamização do Museu do Azulejo, modernização e melhoria da sinalética turística, videovigilância e reavaliação do novo centro de grandes congressos são os projetos a lançar no próximo ano.

A estratégia de utilização deste fundo passa por promover projetos que dinamizem a oferta de conteúdos turísticos através da diversificação temática e territorial e da gestão de fluxos de visitantes; que melhorem a experiência do turista e a qualidade de vida dos lisboetas; que estimulem a procura nos mercados emissores, através de ações cirúrgicas relacionadas com a sazonalidade, permanência, aumento da despesa e qualificação da oferta; e que fomentem a complementaridade de investimento por terceiros.

As receitas da Taxa Turística, em vigor desde o início do ano, são da Câmara Municipal de Lisboa, sendo o Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa gerido de forma autónoma por um Comité de Investimentos, do qual fazem parte a Câmara Municipal de Lisboa, a Associação da Hotelaria de Portugal, a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal e a Associação Turismo de Lisboa.
 

 

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
Produtividade dos ministros não se mede pelo número de leis assinadas
Atualização extraordinária do preço dos contratos públicos de aquisição de serviços
Incêndios: AHRESP associa-se a linha de apoio a empresas turísticas
Contrato Coletivo de Trabalho entre a AHRESP e a FESAHT para o setor do Alojamento
"É preciso debelar o medo e restaurar a confiança dos turistas"
“O Bitoque” representa Grande Lisboa
Caderno de Economia e Negócios AHRESP - JULHO17
Fundo Revita
Pedrógão Grande: Armazém de doações em Castelo Branco ultrapassou as 40 toneladas
CCT entre a AHRESP e o SITESE
Linha de apoio a empresas turísticas afetadas pelos incêndios
AHRESP reforça apelo a solidariedade a Pedrógão Grande
Confirmando a expetativa da AHRESP
CAMPANHA de SOLIDARIEDADE com a REGIÃO CENTRO
AHRESP e CTP promovem workshops em todo o país para empresários do turismo
AHRESP retira 3,4 milhões de euros de custos às empresas do Canal HORECA
Turismo Decisivo Crescimento do PIB, do Emprego e das Exportações
AHRESP saúda aprovação da lei sobre a clarificação do Imposto do Selo
Publicação da Lei sobre a clarificação do Imposto do Selo em fase final
AHRESP Será recebida hoje na AR para debater alterações ao Código do Imposto de Selo
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"