Meios de Pagamento Eletrónicos: BOAS NOTÍCIAS!

Congratulamos a decisão da Assembleia da Republica de atribuir às instituições financeiras o pagamento do imposto do selo sobre as comissões com a aceitação de cartões de débito e crédito.

Fruto do trabalho exclusivo da AHRESP, que desde sempre se manifestou contra a inaceitável posição da Banca, na repercussão integral da taxa de 4% do Imposto do Selo sobre as Comissões que são cobradas às nossas empresas foi hoje, 24 de fevereiro de 2017, aprovado na Assembleia da República, a proposta de lei que altera o Código do Imposto do Selo, clarificando que a Verba 17.3.4 da Tabela Geral do Imposto do Selo, que cobra uma taxa de 4% sobre as receitas das comissões cobradas pela banca nas operações de pagamento com cartões, definitivamente é devida, única e exclusivamente pela banca.

Conseguimos eliminar mais um custo de contexto, cujo impacto estimado nas contas das empresas do Canal HORECA seria na ordem dos 3,4 milhões euros, e de cerca de 150 milhões de euros em toda a economia nacional.

Atualmente, estimamos que ao nível da economia nacional, um volume de negócios de cerca de 250 mil milhões de euros é transacionado através da Banca, representando uma receita para as instituições financeiras na ordem dos 3,75 mil milhões de euros, que no Canal HORECA é de cerca de 85 milhões de euros.

Apesar da AHRESP ter ganho esta pequena batalha, continuaremos a lutar diariamente contra as elevadas e desajustadas comissões que nos são cobradas pela aceitação de pagamentos com cartões de débito e de crédito, que são das mais altas da Europa, e cerca de 3 vezes mais elevadas das que são cobradas em Espanha.

Importa agora, e mais que nunca, estar atentos para que as nossas empresas não permitam mais comportamentos abusivos, impedindo quaisquer aumentos das elevadas comissões que já nos são cobradas.

 

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
CML - no dia 13 de fevereiro não se vão realizar as recolhas de resíduos orgânicos
Restauração e Alojamento criaram em 2017, 120 novos postos de trabalho por dia
Proibição dos utensílios descartáveis plásticos
Sector da restauração diz que é um "disparate" proibir a loiça de plástico
Confederação do Turismo foi recebida por Marcelo Rebelo de Sousa
Programa 'Casa Eficiente 2020'
Portugal 2020 Lisboa 2020 - Inovação Produtiva -janeiro.2018-
O setor do turismo está em crescimento
Orçamento de Estado 2018 - Principais mudanças
Caderno de Economia e Negócios AHRESP Nº06
Regulamento de Proteção de Dados
Turismo bate recordes de empregabilidade, mas debate-se com falta de mão-de-obra qualificada
DESCRIMINALIZAÇÃO DA EXIBIÇÃO NÃO AUTORIZADA DE ÁUDIO E AUDIOVISUAIS
‘ROADSHOW NACIONAL DE WORKSHOPS CHEGA A ÉVORA’
Orçamento de Estado 2018 aprovado pela Assembleia da República
Alterações à Proposta de Lei do Orçamento de Estado 2018
A noite e a (in)segurança
Conselho Consultivo da AHRESP reunido na Riberalves
AHRESP saúda criação de linhas de apoio específicas para as empresas afetadas pelos incêndios
AHRESP congratula-se com descriminalização da exibição não autorizada de áudio e audiovisuais
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"