Alojamento Local é a fonte de sustento para 60% dos proprietários em Lisboa

REABILITAÇÃO Em Lisboa, a maioria dos edifícios estavam desocupados em Lisboa antes de serem alojamento local, diz o estudo do ISCTE

Estudo do ISCTE revela que os donos de alojamento local em Lisboa têm "formações muito ecléticas", mas "uma visão amadora ao nível da gestão". A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal vai avançar com um programa de padrões de serviço para esta oferta turística, que se estenderá ao resto do país

PARTILHAR QUARTOS. Cerca 86% do alojamento local em Lisboa funciona em apartamentos

Em mais de 60% dos casos, o alojamento local é a principal atividade económica dos proprietários de casas em Lisboa que optam por vender noites a turistas - é uma das conclusões do estudo sobre a caracterização deste tipo de oferta na capital portuguesa, desenvolvido pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE).

O estudo insere-se num programa com um conjunto de padrões de serviço para acolher os hóspedes a adotar pelas unidades de alojamento local (o Programa Quality) lançado pela Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP).

"É um programa que tem a ambição de responder à dinâmica de crescimento explosivo desta realidade. A hotelaria já tem parâmetros de serviço bem definidos, mas o alojamento local representa aqui uma categoria mais desregulada", salienta Ana Jacinto, secretária-geral da AHRESP e coordenadora do Programa Quality. "Venham os novos espaços de alojamento local, mas numa ótica de não defraudar as expectativas dos turistas e de projetar Portugal como um destino de excelência.

Lembrando que entre os proprietários de casas que se dedicam a alojamento local "há alguns que são profissionais, mas muitos são curiosos, e precisam de ajuda a nível da gestão", Ana Jacinto salienta que o Programa Quality visa "melhorar os estabelecimentos nas suas várias vertentes, criando maior sensibilidade para a qualidade no atendimento e o alojamento local tem de ter, e também potenciar a redução de custos".

Segundo a responsável da AHRESP, "criámos uma 'check list' com alguns requisitos obrigatórios para minorar eventuais questões na área de ambiente ou de ruído, que é um documento de apoio ao empresário e com os referenciais das boas práticas de gestão". O Programa Quality vai materializar-se num 'selo' atribuído pela AHRESP, certificando as unidades de alojamento local que cumprem as normas de qualidade, e os primeiros vão selos serão atribuídos em Mafra, a zona-piloto de desenvolvimento do programa.

"Começámos por Lisboa, mas já estamos a trabalhar num projeto semelhante para a região centro, o Norte e o Alentejo. O objetivo é chegar também ao Algarve e às regiões autónomas", adianta Ana Jacinto.

O alojamento local é "um sector feliz"

O primeiro passo do programa, segundo a AHRESP, foi conhecer a fundo a realidade do alojamento local em Lisboa, pelo que foi encomendado um estudo ao ISCTE, que envolveu desde a caracterização dos imóveis até ao perfil do empresário e dos próprios hóspedes. 

Fonte:Expresso:11-03-17

 

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
ESTRELAS VOLTAM A SER OBRIGATÓRIAS
PRESIDENTE DA REPÚBLICA: “O TURISMO PORTUGUÊS ESTÁ IMPARÁVEL”
Convocatória Assembleia Geral - 31 de março
BTL. Portugueses à procura de ofertas e promoções
Idade de acesso à pensão de velhice
FEPCES - Pré-aviso de Greve: 28 de março
SITESE - Pré-aviso de Greve: 16 de abril (Páscoa)
Alojamento Local é a fonte de sustento para 60% dos proprietários em Lisboa
Portugal é ´case-study´ no Alojamento Local
Pelo menos 10% das dormidas turísticas em 2016 registadas em alojamento local
AHRESP com maior presença de sempre na BTL
Alojamento Local: maioria dos imóveis estava desocupada antes de ser convertida
INE divulga dados do emprego do 4º trimestre e Ano 2016
AHRESP exige que o Imposto do Selo seja suportado pelas instituições financeiras
AHRESP defende Lisboa Sul/Montijo como solução para o Aeroporto de Lisboa
AHRESP OLHA COM EXPETATIVA PARA O ORÇAMENTO DE ESTADO DE 2017
Vivam as Estrelas
INE divulga dados do emprego do 3º trimestre de 2016
Fundo Turístico de Lisboa
Dia Mundial do Turismo
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"