Introdução

O Projecto Identificação dos Ícones Tradicionais da Gastronomia e do Léxico dos Termos Gastronómicos foi desenvolvido pela AHRESP em 2009-2010 e visa a identificação de 4 a 6 especialidades representativas da gastronomia portuguesa a nível nacional e 4 a 5 especialidades específicas de cada região promocional (Porto e Norte, Centro, Lisboa, Alentejo, Algarve, Madeira e Açores).

Conforme preconizado no PENT; a elaboração do respectivo receituário;

- a tradução das especialidades em 4 línguas (espanhol, inglês, francês e alemão)

- a descrição dos principais pratos e doçaria da gastronomia portuguesa

- a descrição dos produtos tradicionais qualificados e a elaboração de um léxico com termos técnicos de gastronomia em 4 línguas (espanhol, inglês, francês e alemão).

Para o desenvolvimento do projecto a AHRESP contou com o apoio do Turismo de Portugal.

Para a elaboração do projecto, a AHRESP constituiu uma equipa de trabalho composta por Fausto Airoldi (Chefe de Cozinha), Manuel Gonçalves da Silva (Gastrónomo e Jornalista) e Virgílio Gomes (Gastrónomo).

Para a definição dos ícones nacionais foi constituído um painel de 20 especialistas, de reconhecido mérito na área da gastronomia, com uma abrangência nacional.

A equipa de trabalho partiu de inventários da cozinha portuguesa para a constituição de uma lista de 20 pratos que foram submetidos à apreciação e votação dos especialistas. Na sequência desse trabalho, a equipa da AHRESP identificou os 6 pratos mais representativos.


No caso dos ícones regionais, o painel foi composto por 10 especialistas de abrangência nacional e 5 de abrangência regional, por cada uma das regiões.
A metodologia seguida foi idêntica.

Na selecção dos pratos, a equipa de trabalho também teve em consideração a necessidade destes não revelarem um cariz excessivamente regional
ou a utilização de produtos de difícil aceitação, bem como uma designação e imagem que dificultasse a divulgação internacional.

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
Dormidas crescem 9,6% em 2016
Turismo satisfeito com Montijo. Já só falta aterrar
Conferência | Moldar o Futuro - O Imperativo do Crescimento
Bancos devem pagar imposto de selo dos cartões diz PS à AHRESP
AHRESP reúne com PS para obrigar bancos a pagar Selo nas operações com cartão
Lisboa à Prova: e os melhores restaurantes são.
Já não eram criados tantos empregos na restauração há cinco anos
Restauração e Alojamento registam o maior crescimento de emprego nos últimos 5 anos
Quem são os premiados do Lisboa à Prova?
Hotelaria e restauração exigem que banca suporte Imposto do Selo
INE divulga dados do emprego do 4º trimestre e Ano 2016
AHRESP exige que o Imposto do Selo seja suportado pelas instituições financeiras
AHRESP defende Lisboa Sul/Montijo como solução para o Aeroporto de Lisboa
AHRESP OLHA COM EXPETATIVA PARA O ORÇAMENTO DE ESTADO DE 2017
Vivam as Estrelas
INE divulga dados do emprego do 3º trimestre de 2016
Fundo Turístico de Lisboa
Dia Mundial do Turismo
PORTUGAL “ARRASA” NOS ÓSCARES DO TURISMO
Alojamento e Restauração criaram mais 28.500 postos de trabalho no 2º trimestre deste ano
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"