Introdução

O Projecto Identificação dos Ícones Tradicionais da Gastronomia e do Léxico dos Termos Gastronómicos foi desenvolvido pela AHRESP em 2009-2010 e visa a identificação de 4 a 6 especialidades representativas da gastronomia portuguesa a nível nacional e 4 a 5 especialidades específicas de cada região promocional (Porto e Norte, Centro, Lisboa, Alentejo, Algarve, Madeira e Açores).

Conforme preconizado no PENT; a elaboração do respectivo receituário;

- a tradução das especialidades em 4 línguas (espanhol, inglês, francês e alemão)

- a descrição dos principais pratos e doçaria da gastronomia portuguesa

- a descrição dos produtos tradicionais qualificados e a elaboração de um léxico com termos técnicos de gastronomia em 4 línguas (espanhol, inglês, francês e alemão).

Para o desenvolvimento do projecto a AHRESP contou com o apoio do Turismo de Portugal.

Para a elaboração do projecto, a AHRESP constituiu uma equipa de trabalho composta por Fausto Airoldi (Chefe de Cozinha), Manuel Gonçalves da Silva (Gastrónomo e Jornalista) e Virgílio Gomes (Gastrónomo).

Para a definição dos ícones nacionais foi constituído um painel de 20 especialistas, de reconhecido mérito na área da gastronomia, com uma abrangência nacional.

A equipa de trabalho partiu de inventários da cozinha portuguesa para a constituição de uma lista de 20 pratos que foram submetidos à apreciação e votação dos especialistas. Na sequência desse trabalho, a equipa da AHRESP identificou os 6 pratos mais representativos.


No caso dos ícones regionais, o painel foi composto por 10 especialistas de abrangência nacional e 5 de abrangência regional, por cada uma das regiões.
A metodologia seguida foi idêntica.

Na selecção dos pratos, a equipa de trabalho também teve em consideração a necessidade destes não revelarem um cariz excessivamente regional
ou a utilização de produtos de difícil aceitação, bem como uma designação e imagem que dificultasse a divulgação internacional.

Destaques Comunicados AHRESP Agenda
Medias SIMPLEX+ 2016: Livro de Reclamações Online
Prazo de transição dos contratos prorrogado por dez anos
MOVIMENTO SOLIDÁRIO | INCÊNDIOS 2017
Contratos de arrendamento prorrogados por mais 10 anos
Prorrogação do prazo de aplicação do NRAU para o arrendamento não habitacional
Conferência: Tempo de Trabalho
Ana Jacinto. "Lei do PS vai empurrar alojamento local para o mercado ilegal"
Comunicado APIAM
IVA da Restauração
TURISMO: Centro de Portugal homenageou personalidades
AHRESP e CTP promovem workshops em todo o país para empresários do turismo
AHRESP retira 3,4 milhões de euros de custos às empresas do Canal HORECA
Turismo Decisivo Crescimento do PIB, do Emprego e das Exportações
AHRESP saúda aprovação da lei sobre a clarificação do Imposto do Selo
Publicação da Lei sobre a clarificação do Imposto do Selo em fase final
AHRESP Será recebida hoje na AR para debater alterações ao Código do Imposto de Selo
AHRESP com maior presença de sempre na BTL
Alojamento Local: maioria dos imóveis estava desocupada antes de ser convertida
INE divulga dados do emprego do 4º trimestre e Ano 2016
AHRESP exige que o Imposto do Selo seja suportado pelas instituições financeiras
> 35º Festival Nacional Gastronomia | 22/10 a 01/11 | Santarem
> 10.º Festival do Marisco de Ribamar | 23 outubro a 1 novembro | Ribamar
> New Food Bizz | 29 outubro | Santarém
> 10º Aniversário da ASAE | 3 novembro | Porto
> IV Convenção HOTELSHOP/SOCIALSHOP | 04 novembro | Lisboa
> TTR– Feira de Turismo da Roménia | 13 a 16 novembro | Bucareste
> Semináruo 40 Anos ANCIPA | 17 de novembro | Lisboa
> XXVI FEHISPOR, FEIRA HISPANO PORTUGUESA | 19 a 22 novembro | Badajoz
> Alimentaria&Horexpo Lisboa e Portugal AGRO | 21 a 24 novembro | Lisboa
APAVT convida a debater "Turismo: partilhar o futuro"